Covid-19: "Vai ficar tudo bem"